Ihre Browserversion ist veraltet. Wir empfehlen, Ihren Browser auf die neueste Version zu aktualisieren.

      Hol dir Hilfe!

       Cherches de l’aide!

             Chiedi aiuto!

           ¡Pide ayuda!

     Procura ajuda!

 Yardim Íste!

          Kërko ndhimë!

      Kérj segítséget!

      Get yourself some help!

 

Procura ajuda - Vai procurar ajuda

Tu não es culpado!

Da igual qual forma de abuso ou violência sofres-te , igual o dificil e duro que é : a culpa não é tua, em todas as formas de abuso e de violência os unicos culpados são as pessoas que os praticam.

Tu não estas sozinho!

Em 10% das familias suiças existem violências fisicas. 3000 a 4000 de adolescentes menores de idade são por ano victimas de abusos sexuais. Quantos não ha de crianças e jovens que durante a escola, nos tempos livres e etc são victimas de violência fisica, psiquica ou sexual? De toda a forma ha muitos e em todo o tipo de sociedade e classe social. Tu não estas só nesse tipo de sofrimento.

Podes acabar com o teu silêncio e falar dos segredos desagradaveis!

O silêncio das victimas é a melhor proteção dos criminosos. Muitas vezes os malfeitores convencem as victimas a guardar esse "segredo-comum" entre eles. O medo de denuncia-los e que não sejam acreditados é muito grande.
Isto diz-te respeito? Então é importante que saibas que é possivel acabar com os abusos e violências contra ti e contra outras crianças e adolescentes. É importante que fales, que contes o que aconteceu para poder haver provas e acabar com os crimes.
Se já contas-te e não foste escutado ou foste desacreditado? Tenta e retenta outra vez!
Muitas dessas victimas têm que contar muitas vezes o vivido ou presenciado até que encontrem alguém que os ajude. Se isso acontece contigo não desistas tenta e tenta até conseguires ajuda.
Aonde acreditam em ti e recebes ajuda!
Confia num adulto, num amigo ou numa amiga ou vai directamente ao centro de conselharia. Essas pessoas entendem os teus receios e as tuas preocupações, aconcelham-te e podem ajudar-te a encontrar soluções. Informações sobre consultorios de conselharia encontras na lista telefoninca ou aqui em endereços.
Tu tens o direito de receber e de procurar ajuda!
Não te envergonhes se em estado de urgência teres de contar a uma pessoa adulta na rua, nos transportes publicos a um professor ou outras pessoas. Tu tens o direito a pedir, a revendicar ajuda e pedir conselho indiferente de como pode ter sido dificil e traumatizante o que sofris-te.